Especialidade de Astronomia: aprendendo a pesquisar

“Os Céus declaram a glória de Deus…” Salmos 19:1. Esta afirmação bíblica descreve bem esta especialidade. Você vai aprender sobre planetas, estrelas e constelações, identificá-los no céu à noite e vê-los com seus próprios olhos. E há muito mais: marés, zênite e nadir, aurora boreal, entre outros.

Olhar para o céu em uma noite clara, que maravilha… Acima de tudo, divirta-se.

Esses são os requisitos necessários para começar a se tornar um especialista em Astronomia:

  1. Responda as seguintes perguntas:
    • O que causa um eclipse?
    • O que é uma estrela cadente?
    • Qual a velocidade da luz?
  2. Sobre o corpo celeste mais próximo da Terra, responda:
    • Dê se nome.
    • Qual sua distância da Terra?
    • Qual sua influência nas marés?
  3. Fazer um diagrama mostrando as posições relativas e movimentos da Terra, Sol e Lua. Mostre as posições e os movimentos nos eclipses lunares e solares.
  4. Faça um diagrama do sistema solar, nomeando os planetas na ordem correta a partir do Sol.
  5. Identifique no céu 5 estrelas fixas. Qual a diferença entre um planeta e uma estrela fixa?
  6. Sobre constelações:
    • Explique o que é uma constelação.
    • Nomeie e aponte 6 diferentes constelações.
    • Nomeie 2 constelações que são visíveis durante o ano todo.
  7. Desenhar um esquema das constelações Cruzeiro do Sul, Orion e Escorpião.
  8. O que é a Via Láctea? Observar a Via Láctea no céu noturno.
  9. O que é estrela da manhã ou estrela vespertina? Por que ela recebe esses nomes?
  10. Explique o que é zênite e nadir.
Logo abaixo estão as alguns sites na internet com informações confiáveis que podem ajudar no estudo desta especialidade.Apesar de confiáveis, alguns deles podem apresentar informações sob a visão evolucionista, expressões como “milhões de anos” e quaisquer expressões relacionadas à evolução. Desconsiderem essas informações.

Na página da Educação Adventista encontra-se um jogo interativo sobre astronomia. Para jogá-lo, clique aqui.

Veja aqui um planisfério, que pode ser bastante útil na localização e identificação das constelações.

Dica: Os observatórios astronômicos em geral são bem acessíveis à visitação, então é uma boa oportunidade para um aprendizado diferente. Marque a visita com antecedência e aproveite. Outra sugestão: visite um planetário em sua cidade. Normalmente essas palestras e apresentações usam a cronologia evolucionista, então é importante que o responsável por levar o grupo conheça bem sobre o assunto para fazer as correções necessárias após a visita e sanar quaisquer dúvidas. Caso você tenha dúvidas sobre essa cronologia, entre em contato com a Sociedade Criacionista Brasileira. Caso você tenha alguma indicação de fonte, nos deixe um comentário ou envie um e-mail.
1- Mateus
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *