Resoluções de ano novo: 7 ideias e dicas para não falhar em cada uma delas!

Provavelmente você já fez, ao menos uma vez na vida, uma lista de resoluções de ano novo. Eu, que amo listas, já fiz várias vezes, mas poucas vezes consegui atingir os objetivos. Descrente de que isso poderia funcionar, deixei de fazer em alguns anos, mas desde que aprendi algumas técnicas vi que definir metas é extremamente benéfico se você souber se planejar para cumprir.

Por isso, nesse post vamos dar algumas dicas para definir metas e listar 7 metas interessantes para quem é do mundo desbravadorístico, e dicas para garantir que você vai conseguir cumpri-las até o final do ano.

Escolha poucas metas: Se é o seu primeiro ano levando sua lista a sério, escolha no máximo 6 metas. Assim você terá 2 meses para colocar cada uma em prática.

Defina objetivos plausíveis: Não adianta colocar o objetivo de comprar um carro, se você só consegue poupar R$100 por mês, ou querer ter um corpo de capa de revista fitness se você nunca pisou em uma academia. São objetivos que, por mais que você se dedique, são pouco prováveis que você atinja. Então concentre-se no que é possível para não gerar frustração.

Planeje como alcançar cada uma das metas: Tenha um caderninho ou aplicativo no celular onde você vai definir as ações e as datas para cada uma delas. Aqui vão dicas específicas para a ideia que selecionamos.

  1. Uso consciente da internet – A internet disponibiliza cada vez mais entretenimento. Obviamente muitas coisas úteis, mas não são nem de longe a maioria. Além disso, se gastarmos tempo demais com a internet e redes sociais não teremos tempo de correr atrás dos nossos sonhos. Então, que tal limitar o seu tempo no computador ou celular? Faça uma análise de quanto tempo você gasta e reduza 10% do tempo por mês, você vai ver quanta coisa você será capaz de realizar.
  2. Guardar dinheiro – 2019 é ano de campori e sabemos que isso custa dinheiro. Além de inscrição e passagem, às vezes precisamos de mochila, tênis, saco de dormir, enfim, várias coisas que não custam barato! Fazer um orçamento pessoal é a chave para o sucesso. Confesso que essa é uma das metas mais difíceis para mim, mas nesse ano vou apostar naquela planilha de valores semanais que a gente encontra facilmente na internet.
  3. Fazer o cartão – Levando em consideração que existem pouquíssimos líderes master avançado no Brasil, a maior parte de nós tem cartão para fazer (eu também não sou master avançado ainda). Então, que tal investir tempo na construção de uma liderança melhor esse ano? Dos métodos que eu conheço, o mais eficiente é escolher um amigo para vocês fazerem juntos. Definam a quantidade de requisitos por mês e um acompanha o outro, dá para definir prêmios para quem alcançar ou prendas para quem falhar. O melhor é que no final os dois investem juntos!
  4. Fazer mais especialidades – Todos sabem o quanto as crianças se encantam com uma faixa cheia. Muito mais que ostentar, para nós, líderes, uma faixa cheia significa motivação para nossos desbravadores. Por isso, que tal melhorar a sua para esse ano? Escolha 12 especialidades e trabalhe para conquistar uma por mês. Te garanto que é mais fácil que você imagina. Seus desbravadores vão ficar muito impressionados quando você receber todas elas no final do ano e certamente vão querer copiar você no próximo ano.
  5. Ler mais – A ideia é semelhante à meta das especialidades. Escolha 12 livros para ler durante o ano, um para cada mês, e divida a quantidade de páginas do livro em metas semanais ou diárias, se o livro for mais extenso. Levando em consideração que a média de leitura do brasileiro é de menos de 3 livros por ano, ler 12 livros vai representar um grande crescimento para você.
  6. Ser mais saudável – Cuidar do nosso corpo é um dos itens da nossa lei, então precisamos incluir hábitos melhores na nossa vida. Por mais que você já seja uma pessoa saudável, sempre há espaço para melhorar. Escolha seis alimentos para excluir da sua alimentação e 6 para introduzir. Em um mês você trabalha para excluir, no outro para incluir e assim vai revezando. Por exemplo, em janeiro exclui o refrigerante e em fevereiro inclui o pão integral, em março exclui os embutidos e em abril inclui as castanhas e por aí vai. Aprender a cozinhar, ou aperfeiçoar suas técnicas, também é um passo importante para melhorar a saúde.
  7. Aprender uma língua – Não tem muito como inventar aqui. Levando em consideração que poucas pessoas são autodidatas, um curso é essencial. É um investimento que vale muito a pena. Mas se você realmente não tem como começar um curso pago, redobre a disciplina e a força de vontade e baixe um aplicativo tipo Duolingo ou Memrise e foque em criar um bom vocabulário, assim, quando você puder entrar em um curso, você terá muito mais facilidade.

E então, gostou dessas ideias? Já fez sua lista? Comente aqui e compartilhe conosco.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Uma ideia sobre “Resoluções de ano novo: 7 ideias e dicas para não falhar em cada uma delas!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *